​​​​​
Unimed Natal
MINHA UNIMED

Autismo: como reconhecer?

02/04/2018 - 17h

  Saúde em pauta
Autismo: como reconhecer?

Você sabe o que é autismo? Conhece as causas, sintomas e diagnóstico dessa doença? O autismo infantil é um transtorno de desenvolvimento que normalmente aparece até os três primeiros anos de vida da criança e afeta as habilidades de comunicação e interação social, ou seja, o modo de se relacionar com as pessoas. Não se sabe ao certo as causas desse transtorno, mas principalmente a genética e ainda fatores ambientais podem ser os responsáveis.

Uma pessoa com autismo pode ter aversão excessiva a estímulos da visão, audição, olfato ou paladar, além de ter uma resposta emocional anormal a mudanças de rotina. Estes sintomas variam de moderados a graves. Em relação à comunicação, pessoas com autismo podem não falar, repetir o que foi dito (ecolalia) e terem dificuldades para iniciar e manter uma conversa coerente. É importante destacar que nem sempre a criança irá apresentar todos os sintomas.

A dificuldade de relacionar-se com outras pessoas implica em falta de empatia e assim não ter muitos amigos, ser retraído e optar por ficar sozinho na maioria das vezes. O diagnóstico é clínico e deve ser feito por meio da observação direta do comportamento da criança e de uma entrevista com pais ou responsáveis.

Como reconhecer o autismo

Geralmente, as crianças com autismo apresentam algumas características. Confira abaixo:

Hiperatividade;
Dificuldade de linguagem;
Dificuldade de interação social;
Interesse restrito de repertório de brincadeiras e alimentos;
Incômodo ao toque;
Isolamento na presença de outras crianças;
Sensibilidade alterada;
Não responde pelo nome, como se fosse surda;
Quando se machucam, não demonstram sentir dor;
Para diagnóstico, procure um médico neurologista.

Diga não ao preconceito contra o autismo

Embora informações estejam disponíveis ainda é precário o conhecimento das pessoas a respeito do transtorno, o que muitas vezes leva ao preconceito. Acredita-se, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), que cerca de 2 milhões de pessoas apresentam algum grau desse transtorno no país. A informação é a única chave contra o preconceito.

Autismo tem tratamento?

Não existe tratamento padrão. Cada paciente exige acompanhamento individual, de acordo com suas necessidades e deficiências.
 

Fonte: Unimed Fortaleza


Voltar

Veja também estas notícias

Saúde em pauta
Mito ou verdade: sabe tudo sobre dengue, zika e chikungunya?

Mito ou verdade: sabe tudo sobre dengue, zika e chikungunya?

  Fique por dentro das melhores práticas para prevenir e tratar essas doenças. Todo mosquito pode transmitir dengue, zika e chikungunya. Mito. Só o Aede...

Ler mais
Institucional
Comunicado Importante: encerramento das atividades da Farmácia Unimed

Comunicado Importante: encerramento das atividades da Farmácia Unimed

A Unimed Natal comunica que, a partir de 1º de agosto, suspenderá o funcionamento de sua farmácia localizada na Avenida Campos Sales, no bairro Petrópolis.  ...

Ler mais
Saúde em pauta
Previna-se contra a Dengue

Previna-se contra a Dengue

A dengue é uma doença causada por um vírus e transmitida pela picada do Aedes aegypti, mosquito que também é transmissor da febre amarela urbana, zika...

Ler mais
Institucional
Encontro com os Aprendizes Unimed Natal

Encontro com os Aprendizes Unimed Natal

A Unimed Natal realizou, na última terça-feira (19), a última edição do Encontro com os Aprendizes em 2017, projeto desenvolvido pelo Núcleo de Gest...

Ler mais

Atendimento via
WHATSAPP

(84) 98896-9504

Dúvidas? Tire-as aqui! Canais exclusivos para você tirar aquela dúvida sobre a UNIMED.